Corte de Asas e Ruína, de Sarah J. Maas


Em meio à guerra, é seu coração que enfrentará a mais árdua das batalhas.

Eu não sei nem como começar a falar sobre esse livro ou sobre essa história. Eu não sei se vou conseguir descrever todas as emoções que eu senti lendo e finalizando essa trilogia. Corte de Asas e Ruína é o terceiro livro da série Corte de Espinhos e Rosas, escrito pela autora Sarah J. Maas, e fecha então a história da jornada de Feyre Archeron, a humana que virou grã-senhora e salvou todo um povo com sua bravura e sua determinação. Pelo amor a Rhysand e àqueles que estavam a sua volta.

O terceiro volume da série best-seller Corte de Espinhos e Rosas, da mesma autora da saga Trono de Vidro em “Corte de Asas e Ruína" a guerra se aproxima, um conflito que promete devastar Prythian. Em meio à Corte Primaveril, num perigoso jogo de intrigas e mentiras, a Grã-Senhora da Corte Noturna esconde seu laço de parceria e sua verdadeira lealdade. Tamlin está fazendo acordos com o invasor, Jurian recuperou suas forças e as rainhas humanas prometem se alinhar aos desejos de Hybern em troca de imortalidade. Enquanto isso Feyre e seus amigos precisam aprender em quais Grãos-Senhores confiar, e procurar aliados nos mais improváveis lugares. Porém, a Quebradora da Maldição ainda tem uma ou duas cartas na manga antes que sua ilha queime.

*~~*

Eu esperava muito desse livro e minhas expectativas estavam muito no alto para a finalização desse arco da trilogia. Eu estava ansiosa para reencontrar meus personagens favoritos e saber o final dessa história. Mas ao mesmo tempo estava com medo, medo da autora não saber finalizar, medo de me decepcionar, mas, contudo, entretanto, Sarah J. Maas soube muito bem como finalizar a história e me deixou suspirando. Nessa resenha teremos alguns spoilers, mas tentarei ser o mais sucinta possível para não estragar a experiência de leitura de ninguém.

O desenvolvimento dos personagens e da história são com certeza o ponto alto da obra, até mesmo, porque a autora conseguiu desenvolver e desenrolar pendências do livro passado e, no caso dos personagens, mostrar suas evoluções pessoais e coletivas, além de como tudo aconteceu e afetou a vida de todos. É curioso perceber como a Sarah conseguiu fazer com que os coadjuvantes se tornassem protagonistas em vários momentos da história, dando importância às suas ações e aos seus sentimentos, como o caso de Azriel, Netsha, Elain, Cassian, Amren e Mor. Até mesmo Lucien fora um personagem que teve seu lado mostrado e pudemos conhece-lo melhor e saber mais sobre o que ele sente e pensa, além de ter tido um papel importante para a história.

A ambientação foi realmente um show a parte. Sarah J. Maas conseguiu descrever cenas de batalha e das reuniões com os grão-senhores de maneira impecável, me transportando e me inserindo completamente dentro da história e daquele momento. Além disso, podemos conhecer também mais sobre aquela terra e sobre a própria história dos féericos e dos humanos. Além disso, o leitor consegue realmente sentir todas as emoções dos personagens e todo o poder do Caldeirão do Rei Hybern. As descrições são tão impecáveis que conseguimos sentir toda a força, angústia e até mesmo a alegria que os personagens sentem. Feyre e Rhysand então...

E é deles que eu quero falar agora. Desse casal maravilhoso, singular, original e extremamente cativante. Uma das coisas que eu mais amei nessa história, foi o relacionamento construído entre Rhysand e Feyre. Enquanto no primeiro livro, temos Tamlin como par romântico de Feyre, a desconstrução do personagem, mostrando como era um relacionamento abusivo e a entrada de Rhys na vida de Feyre, temos um segundo envolvente e intenso, mostrando o laço de parceiros que os dois tinham, o terceiro veio para afirmar que se amam, que são iguais e que o amor um sente pelo outro é inabalável e indestrutível. Raramente vemos casais na ficção que são realmente parceiros, normalmente sempre há uma intriga entre o casal para apimentar as coisas e aqui, não existe isso. Não existe intriga entre os dois. Há apenas a honestidade de pensamentos e sentimentos.  No fim de tudo, eles encerraram a “dívida”, concluíram o ciclo.

A escrita da Sarah é realmente muito envolvente e sua narrativa no ponto de vista de Feyre faz com que o leitor tenha mais controle sobre o andamento da história, isso é ótimo para entendermos todos os pensamentos e ações da protagonista. E no final do livro, ainda somos presenteados com um POV (ponto de vista) de Rhysand, deixando tudo mais lindo ainda. Apesar do livro conter quase 700 páginas, em nenhum momento me senti cansada durante a leitura, mas a autora é bem descritiva quanto aos detalhes da história, para leitores que adoram isso, com certeza será um deleite saborear a obra.

Em síntese, Corte de Asas e Ruína foi um fechamento impecável para a história. Bem construído, ambientado, desenvolvimento, conclusões necessárias para alguns plots, esclarecimentos e ainda pontas soltas para a continuação no spin off. Eu não poderia estar mais satisfeita com esse fechamento do que estou. A Sarah conseguiu escrever uma história de emponderamento, de salvação, de amor e mostrou o que realmente importa dentro de um relacionamento, a honestidade e o respeito.

Se você não conhece ainda a série Corte de Espinhos e Rosas, você está perdendo tempo. 

10 comentários

  1. Confesso que os livros em si me chamam atenção, mas fico assustada quanto a quandidade de páginas e as descrições em excesso, isso não funciona muito bem comigo. No mais o box é um luxo.

    Beijos
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Ane!
    Menina, é muito comentário positivo dessa trilogia! Preciso demais ler!
    Como é o último livro da trilogia, fiquei um pouco confusa, pois é muita informação, butttt
    Me atenção saber que os personagens amadureceram ao longo da série, isso é um ponto que levo mto em consideração. Gosto também de saber que lida-se com relacionamentos abusivos. Acho que é algo que precisa ser discutido e super válido estar nos livros de literatura que tanto conquistam jovens.
    E claro, fico encantada com o universo criado pela Sarah e com o que vejo dos personagens, sobre tudo Feyre, elevada a gra-senhora e ainda encontrar um verdadeiro amor em Rhysand.
    Bj

    ResponderExcluir
  3. Olá, ótima resenha, me fez ficar com ainda mais vontade de ler essa série que parece maravilhosa. Achei bem bacana você destacar o relacionamento sadio do casal, numa era de tantos relacionamentos abusivos. Parece que esse terceiro livro está espetacular.

    ResponderExcluir
  4. Oie amore,

    Só tenho o primeiro da série por aqui, mas ainda não li.
    Quero ter os três pra não ficar parada na leitura.
    Adorei o que li por aqui e me deu ainda mais vontade de ler a série.
    Adorei a resenha, muito sincera, parabéns!

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  5. Oi, confesso que eu acabei não lendo muito da resenha para não pegar spoiler porque adquiri o box recentemente, mas Sarah é completamente apaixonante, tenho certeza que é impossível odiar uma história escrita por ela, não vejo a hora de conferir e saber mais sobre essa trilogia que deixa todo mundo tão apaixonado!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?

    Estou morrendo de agonia esperando o meu livro chegar. Eu amo essa série e todos os livros da Sarah. Não vejo a hora de ter o meu livro em mãos e começar a leitura. Mesmo que eu não esteja preparada para dar adeus a esses personagens, eu estou muito ansiosa.

    ResponderExcluir
  7. Eu li o primeiro livro e não foi alto tão impactante como eu esperava ou na altura de todos os elogios que li e ouvi, por isso ainda nem comecei a ler o segundo livro.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Estou LOUCA por esse livro, porém não terei mais tempo para ele ainda esse ano, e o preço dele tá bem carinho (a BF não foi boa :/), até pensei em pegar em ebook, mas acho que não consigo fazer essa leitura a tempo. Enfim, gostei muito de saber o que irei encontrar nesse livro. Infelizmente, peguei alguns spoilers, contudo nem isso foi o suficiente para diminuir minha animação.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Hellooo!!
    Ahhh uma das series que mais quero ler é Corte de Espinhos e Rosas, acho que vou amar mto como vc e todo mundo fala do casal!!
    Já estou ficando mega ansiosa, mas esperando o box chegar ainda e ja vi que vou abandonar todos os livros e só ler esse hahhaa.
    Amei a foto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Muita gente falando dessa obra to louca pra ler já e até com medo de criar tanta expectativa e acabar me decepcionando. hehehe adorei sua resenha,

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir