ISBN: B01N06KASG 
Título: Caçadora de Estrelas
Autor: Raiza Varella 
Ano: 2016
Páginas: 544
Idioma: Português
Editora: Amazon
Gênero: Drama, Romance
Nota: 5/5 - 


Sinopse: Após flagrar o seu atual namorado com outro cara - não, você não leu errado - e constatar que o safado tinha um gosto para homens até melhor do que o seu, Eva se arrepende por ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até e o país para segui-lo e decide que é hora de voltar para a casa, com o rabo entre as pernas, um mau humor feroz e sem um tostão no bolso. Mas ao contrário do que imaginou não é recebida com faixas e balões, muito menos com boas-vindas e sim com mais e mais azar - como se não bastasse todas as vezes em que foi traída, abandonada pelo circo ou roubada por alguma estrela errada -, seu irmão acabou com seu carro novo, seu pai se casou, ela ganhou duas quase irmãs indesejadas, seu melhor amigo roubou seu gato e ainda de quebra arrumou uma namorada. Embora a vida em casa não esteja como deixou, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. O que em seu dicionário quer dizer se embebedar, distribuir socos e grosserias a quem quer que esteja ao seu alcance e recuperar seu gato - a qualquer custo -, nem que para isso precise roubá-lo de volta. O que desconhece é que o destino iria lhe preparar uma surpresa, lhe oferecendo algo que não poderia ter, um amor proibido. Será ela corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?


Confesso que nunca fui muito apegada a literatura brasileira – eis aí um dos meus grandes defeitos, desde que nossa literatura é riquíssima -, principalmente tratando-se de novos autores, porém uma coisa devo dizer: Caçadora de Estrelas, sem dúvidas, entrou para a listinha dos meus livros favoritos. Sinceramente, eu não esperava que a Raiza Varella pudesse quebrar meu coração em milhares de pedacinhos como o quebrou, eu não poderia ter feito uma escolha melhor para conhecer sua escrita. 

A escolha por Caçadora de Estrelas veio por mero acaso, desde que eu estava procurando por novos títulos no KindleUnlimited quando me deparei com o mesmo. Claro, não pensei duas vezes, por conta de sua capa maravilhosamente bem desenvolvida e uma premissa diferente do que costumamos encontrar normalmente. 

Neste livro temos como personagem principal, Eva, uma mulher que se mostra um tanto imatura para a sua idade – desde que já passou da casa dos vinte anos. Existem quatro coisas que Eva considera essenciais em sua vida: uma garrafa de vodka, um maço de cigarro, hambúrguer e, uma estrela. Sim, uma estrela. Eva é um tanto peculiar, ao contrário da maioria, Eva refere-se a sua ''metade da laranja'' ou ''tampa para a sua panela'' como estrela, e a mesma está disposta a tudo para encontrá-la. E quando digo tudo é realmente t-u-d-o, inclusive voar para outro continente atrás do que achava que seria sua última caçada. 

Porém, Eva não esperava que sua tão esperada estrela, que a fez pegar o primeiro voo com destino à Londres, na verdade, estaria mais para um pisca-pisca vagabundo. Depois de quebrar a cara pela vigésima vez, é óbvio que ela voltaria com o rabinho entre as pernas esperando ser acolhida por aqueles que deixou para trás. Acontece que as coisas não ocorrem da forma que esperava, agora essas pessoas, cansadas de serem substituídas facilmente por amores fajutos acharam formas de seguirem em frente com as suas vidas mesmo com Eva distante. Seu pai resolveu casar-se novamente e com isso Eva ganhou duas irmãs e uma madrasta que por sinal detestou. Seu melhor amigo, que sempre a priorizou agora prioriza outra pessoa e, de quebra ainda roubou seu gato, o Cupido. Seu irmão, casou-se com a sua melhor amiga e também, conseguiu dar perca total em seu carro, que com sacrifício havia comprado pouco antes de viajar. 

Tudo parecia estar fora dos eixos. E, para Eva, realmente estava. Sua imaturidade não permitia que conseguisse lidar com tantos acontecimentos de uma única vez. Inclusive, foi um dos motivos que, para mim, tornou a leitura arrastada de início, já que eu não conseguia me identificar com a personagem que o tempo inteiro se mostrava completamente infantil e egoísta, como se fosse obrigação das pessoas estagnarem suas vidas até a sua volta. 

Mas, foi aí que Gabriel apareceu e, gente, é impossível não amar esse personagem. Raiza Varella conseguiu construir um personagem completamente cativante e dono de um charme indescritível. Ele é o melhor amigo de Eva, há mais de vinte anos. Os dois se conheceram ainda quando bebês por meio de suas mães que eram melhores amigas e, desde então não se desgrudaram mais. Porém, nem tudo são flores e é claro que a vida não seria tão gentil com Gabriel. Esse gosta de Eva desde que se conhece por gente, e não somente como amigo. A vida toda ele esteve ali por Eva, colando os pedacinhos de seu coração a cada vez que um babaca a machucava e oferecendo-lhe quantos hambúrgueres, vodka e cigarro fossem necessários para que parasse de chorar. 

Por diversas vezes quis pegar Eva pelos cabelos e a arrastar asfalto à fora, por sua maneira infantil de lidar com seus problemas e teimosia fora do normal. Mas, principalmente, por ter demorado anos para notar os sentimentos de Gabriel e, também para dar voz ao seu coração que sentia o mesmo. Em diversos momentos, me peguei sentindo um nó na garganta, torcendo pelos dois apesar das circunstâncias. Mas, apesar disso, tudo aconteceu no tempo em que deveria acontecer, pois foi o caminho trilhado pela autora que tornou o livro tão incrível e especial. 

Os capítulos são narrados alternadamente por Eva, Gabriel e Benjamin. Então, de certa forma, podemos mergulhar no Universo particular de cada um. Acompanhamos a busca incansável de Eva por sua estrela e todo o caos em que sua vida foi submetida depois do último desastre amoroso e seu retorno ao Brasil. Gabriel e seu dilema por se ver novamente caindo nas garras de Eva, que jurava ter superado após sua partida e o aparecimento de Alice em sua vida. E este último deixarei vocês curiosos para saber quem é, mas juro que é por um bom motivo.

A grande jogada da autora, que me conquistou de forma única, foi a maneira em que conseguiu amadurecer seus personagens ao longo da narrativa. Por exemplo, inicialmente Eva mostrou-se uma mulher imatura e insegura sobre si mesma, enquanto ao término do livro, uma mulher independente e emocionalmente estável apesar de todos os danos em sua vida. Além disso, os personagens secundários não ficaram para trás, todos são tão importantes e encantadores quanto os principais. 

Bom, recomendo Caçadora de Estrelas para quem procura um livro que renderá bons momentos de reflexões. Desde que, com o seu modo de escrever Raiza Varella nos faz enxergar que às vezes é preciso sairmos um pouquinho de nosso mundinho particular e repararmos em toda grandiosidade que nos cerca. Que existe sim muita coisa boa nos aguardando e, que para encontrarmos a nossa estrela antes é preciso nos encontrarmos. 

22 Comentários

  1. Olá Mari
    Eu não conhecia esse título, mas adorei poder conferir suas impressões a respeito. Achei ótimo que há essa narração alternada entre os personagens. E legal saber que há momentos de reflexão nessa leitura, porque eu realmente gosto dessa inserção nos livros que leio, mesmo porque de alguma forma sempre pode nos impactar com o texto né.. Ah, dê mais chances a nossa literatura nacional, é realmente muito, muito rica e merece muito destaque sempre!
    Beijos, Fer
    ♥♥ www.segredosemlivros.com ♥♥

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu ainda não tinha lido resenhas sobre essa obra (creio eu) mas já a conhecia só de capa. Lendo sua resenha vejo que é uma obra um tanto quanto interessante, e espero poder ler a obra ano que vem. Fico contente em saber do amadurecimento dos personagens ao passar do livro e que rende ótimas reflexões para nos leitores. Enfim, adorei a sua resenha e até mais ver .
    Bjks

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Então, já conheço o livro de capa, mas acontece que nunca me interessei em procurar conhecer sobre o que se tratava a obra, e a razão, a capa não me chama a atenção, ai, o que acontece? isso mesmo, me deparo com essa resenha falando tão bem da obra e eu fico me perguntando, poque eu não procurei saber nada do livro em? kkk enfim, dica anotadinha aqui, e espero que eu possa lê a obra em breve haha

    ResponderExcluir
  4. Esse livro tá em minha lista de desejados a um tempinho. Assim como você eu acabo lendo mais escritores estrangeiros, mas é que todo mundo fala tão bem da Raiza que quero conferir para ver se ela é isso tudo mesmo ou melhor se esse livro é isso tudo mesmo. Amei sua resenha e tô curiosa com o diferencial dessa obra. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá Mari, tudo bem?

    Conheci o livro através de uma fanpage, mas não havia tido a curiosidade pela leitura até esbarrar em sua resenha. Ela foi tão completa, tão sincera, que não tem como não querer comprar o livro na hora, rs. Mas como o dindim anda curto, vou esperar uma boa promoção para adquiri-lo na Amazon.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Eu jurava que veria os livros da Raiza por alguma editor, mas acho que ainda não tem nada certo ne? Gostei dessa capa, achei bem convidativa. Parabéns pela sua resenha, espero poder ler esse livro dela em breve!

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Oi.
    Eu não conhecia a obra e nem a autora, mas gostei muito da sua resenha.
    Realmente a Eva exala imaturidade e já me apaixonei pelo Gabriel apenas com a sua resenha, somente pela paciência que ele parece ter.
    É uma obra nacional que pretendo ler em breve.
    Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  8. Olá Mari,
    Vi, há algum tempo, várias divulgações desse livro e fiquei mega curiosa pra ler, mas, ainda não tive oportunidade.
    Achei legal que, mesmo você querendo arrastar a protagonista pelo asfalto e ela tendo demorado para perceber os sentimentos dela, as coisas aconteceram no momento certo. Acho que existe muito disso na vida, sabe?
    Adorei sua resenha e fiquei triplamente curiosa para ler o livro.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  9. Oii Mari! Adorei a resenha! Esse livro me ganhou pela capa, mas sua resenha me fez sentir muita curiosidade pela leitura também. Parece ser bem bonito e com lindas mensagens. Quero ler! :D Ansiosa para conhecer esses personagens.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Já tinha ouvido falar sobre o livro e também fui surpreendida pela premissa. E quem não seria? A capa é realmente maravilhosa, mas o que me motivou a colocá-lo na minha listinha foi a sua resenha.
    Saber que Eva amadurece e deixa de ser imatura me interessou bastante, já que tenho certeza que não aguentaria essa personalidade o livro todo.
    Bjs, Mila

    http://a-viagem-literaria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oieee
    Tudo bom?
    Esse será minha próxima leitura e pelo visto terei o mesmo sentimento que você pela protagonista é isso aumenta ainda mais minha vontade de pegar logo ele.
    Excelente resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi Mari,
    Vi esse livro alguns dias atrás no Kindle mas não parei para saber mais. Ainda bem que tive a oportunidade de ver sua resenha e conferir mais sobre a história. Gostei da narrativa não ser focada na visão de somente uma personagem, assim dar para saber melhor de cada um. Ainda não conheço a escrita da autora, mas já anotei na lista para conferir.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  13. Oi Mari, tudo bem? Já tinha lido algumas resenhas sobre o livro e todas falam maravilhosamente bem sobre a história da Eva. É legal saber que os personagens amadurecem no decorrer da história. Eu, particularmente, dou um ponto a mais pra isso! Acho que a trama é bem comovente e reflexiva. Eu já queria ler, tua resenha me deixou com mais vontade ainda <3 Bjosssss

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?Muitas pessoas Aida ficam com o pé atrás para ler nacionais mas você vai ver que vai encontrar muitos outros livros maravilhosos por aqui além desse que leu que aliás eu ainda não conhecia e através dá sua resenha já fiquei curiosa em em conhecer mais da história de Eva.
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Oi, Mari

    Eu conheci esse livro no instagram e já fiquei logo interessada por conta dessa capa linda. Quando você começou a falar que a protagonista é imatura e infantil eu já torci o meu nariz, mas aí vc falou wue os personagens amadurecem, então tá tranquilo! Rs
    Acho que eu is ter vontade de dar uns sopapos nela também por não enxergar Gabriel! Hahahah
    Adoraria fazer essa leitura.

    Beijo

    ResponderExcluir
  16. Oii!!
    Não conhecia esse livro ainda. Sinceramente, conheço muitos pessoas iguais a Eva na vida real rs. Eu também acho que ninguém tem que parar a vida só por causa de uma pessoa e esperar a boa vontade dela voltar depois que quebrou a cara. Fiquei interessada em conhecer melhor esse livro. Se eu fosse o Gabriel, daria uma canseira na Eva rs. Mas quando se ama não tem essa, não é mesmo?
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá,
    Devo confessar que estou de olho nesse livro já faz um tempo, mas ainda não consegui fazer a leitura.
    Fico feliz que esteja tentando abrir seu leque de opções e fazendo leitura de nacionais, afinal como você disse temos grandes talentos.
    A premissa da obra é muito interessante e acredito que irá me agradar muito essa jogada da autora de fazer seus personagens amadurecerem com maestria no decorrer da trama.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Mari, tudo bem?
    Gostei bastante da sua resenha, o livro parece ser lindo e eu acho que não vou conseguir ficar muito tempo sem lê-lo. Devo admitir que o tamanho me assusta, mas essa história parece maravilhosa. Acredito que o livro ser arrastado no começo não seja um grande problema pra mim.

    ResponderExcluir
  19. Estou curiosa com esse livro devido a grande divulgação de algumas pessoas no meu feed, e fico me perguntando porque é que eu ainda não me rendi e li o livro...
    Saber que os personagens crescem durante a história, e que não somente os principais como os secundários me deixa na empolgação para realizar a leitura. Gosto de livros que conquistam e que tenham uma mensagem, e parece que esse tem as duas coisas :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  20. Olá!!!
    Ainda não li nenhum livro da Raiza Varella e estou bem animada com alguns livros dela. Mas ainda estou com um pé atrás sobre essa leitura,detesto livros com triangulo amoroso e com "mocinha" chata e grossa,a sinopse até que começou bem mas desandou no final oO
    Talvez eu ainda dê uma chance a esse em especial,espero começar essa leitura ainda esse ano!!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/12/resenha-sombra-do-passado-sylvain.html#comment-form

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?

    Ainda não conhecia a autora e nem a obra e o que posso dizer é que ja adorei o enredo *-*

    Muito bom saber que os personagens amadurecem durante a história e que o enredo é abarrotado de reflexões!

    Caçadora de Estrelas entrou na minha lista de desejos (:

    Abraços!

    ResponderExcluir
  22. Oie Annie,
    Li um outro livro da Raiza, não lembro o nome, mas a capa era amarela e tinha um cavalo. A autora está em alta e outra colaboradora resenhou esse livro. Amei, e será uma das minhas metas para esse ano. Acredito que o drama e o final (que já sei) vai me fazer chorar muito.

    ResponderExcluir