ISBN-10: 8579803284
Título: Crave a Marca
Autora: Veronica Roth
Ano: 2017
Páginas: 480
Idioma: português 
Editora: Rocco
Gênero: Distopia, Ficção Cientifica 
Nota: 4/5
Livro cedido em parceria com a editora. 

Sinopse: Num planeta em guerra, numa galáxia em que quase todos os seres estão conectados por uma energia misteriosa chamada “a corrente” e cada pessoa possui um dom que lhe confere poderes e limitações, Cyra Noavek e Akos Kereseth são dois jovens de origens distintas cujos destinos se cruzam de forma decisiva. Obrigados a lidar com o ódio entre suas nações, seus preconceitos e visões de mundo, eles podem ser a salvação ou a ruína não só um do outro, mas de toda uma galáxia. 

Eu nunca fui muito com a cara da autora Veronica Roth e sua série de maior sucesso, Divergente. Quando eu fiquei sabendo que a Editora Rocco iria lançar Crave a Marca em janeiro de 2017, fiquei curiosa, não só porque a premissa é muito interessante, mas também porque eu queria dar uma chance para essa autora e ver se eu iria gostar de sua obra. Hoje, vamos conversar um pouco sobre o que eu achei de Crave a Marca e espero que vocês deixem suas opiniões sobre o que esperam ou o que acharam desse livro, vamos lá?

Em um planeta cheio de guerra, quase todos os seres existentes são conectados por uma energia chamada "a corrente" (uma energia meio desconhecida até então). Cada pessoa possui um dom e esse dom que lhe da poder, mas também algumas limitações. Nessa história, temos Cyra e Akos, os dois protagonistas, que vêm de linhagens e origens bem distintas, mas que o destino os força a seguirem para o mesmo caminho. Cyra vem de uma família tirana, irmã do líder e com um poder que foi concebido por essa corrente, é considerada perigosa e letal. Akos é do planeta-nação Thuvhe e um dos que possuem fortuna (destinos que são revelados pelo oráculo). 

Em uma invasão dos tiranos a casa de Akos, ele é levado e vira um escravo para aquela família. Mas Akos tem um poder que pode ajudar Cyra, que sente muitas dores devido a seu próprio poder e quase não aparece mais em público. Ao se conhecerem, ambos sentem uma conexão e sabem que precisarão confiar um do outro num futuro bem próximo. Akos compartilha seus planos com Cyra e, juntos, eles serão obrigados a lidar com a rivalidade de suas nações, mas com isso, poderão salvar toda a galáxia. 

Como toda ficção cientifica e distopia, o começo das histórias são sempre mais introdutórias, apresentando ao leitor algumas informações essenciais para o desenrolar da trama. Veronica Roth conseguiu me introduzir no universo criado sem grandes problemas e já no começo estava totalmente inserida e curiosa com a caminhada que os protagonistas teriam. Para mim, se o autor tem o poder de te prender do início ao fim a sua trama, ele é um bom autor. Independente do gênero que no qual ele escolheu contar essa história. 

" - Eu sei o que é se transformar em algo que você odeia. Sei como dói. Mas a vida é cheia de dores. - As sombras juntaram-se ao redor dos olhos como se estivessem provando suas palavras. - E sua capacidade de suportá-la é muito maior do que você imagina."

Personagens com poderes, galáxias, planetas diferentes, tudo isso sempre me agradou muito. Em Crave a Marca, temos uma distopia muito forte, mas que não chega ao original, pois passa a impressão de já termos lido coisas semelhantes. Em alguns momentos, senti que estava lendo Fúria Vermelha do meu amado Pierce Brown, mas apesar dos elementos parecidos, o caminho seguido foi diferente do livro citado. Mas eu nunca tive problemas com livros parecidos, portanto, segui minha leitura e foquei na história que estava a minha frente.

A narrativa da Veronica Roth é muito alinhada, estruturada e sua escrita muito agradável. A leitura fluiu bem e apesar de ser um livro com quase 500 páginas, o li de forma rápida, pois a autora consegue te envolver bem na história e te fazer acreditar e comprar a briga dos protagonistas. A ação do livro não é o ponto forte, mas as cenas que tiveram algum tipo de movimentação a mais, foram muito bem escritas. O que me leva a elogiar o poder de ambientar a história que a autora tem, pois adorei suas descrições. 

Eu gostaria de me aprofundar mais sobre a jornada dos protagonistas, mas qualquer coisa a mais seria um spoiler e poderia estragar a leitura de vocês. Mas já adianto que o protagonista Akos tem uma motivação muito boa e eu adoro isso, quando o propósito dos personagens condizem com sua realidade. Cada ser que é apresentado na história, me intrigou e me fez querer ler mais sobre. Confesso que a minha personagem favorita foi a Cyra, pois seu poder era tão ruim, mas ela ainda assim se mantinha, ou tentava, justa e boa. 

Em síntese, Veronica Roth criou uma distopia que possui elementos de sci-fi, mas que mesmo contendo elementos já batidos no gênero, conseguiu segurar as pontas e nos entregar um enredo ágil e envolvente. Sua escrita, seu poder de ambientar o leitor e o carisma de seus personagens, deixam a obra ótima e os fãs de distopias delirados. Não conhecia a autora e meu primeiro contato com ela foi ótimo. Estou feliz com o resultado da leitura. Espero que vocês tenham a oportunidade de ler e gostar tanto quanto eu. 

28 Comentários

  1. Olá
    Adorei poder conferir sua resenha e as fotos ficaram maravilhosas. Eu também li esse livro no mês passado, e gostei, apesar de não ter lido com expectativas, diante de minhas experiências com livros da autora. Eu gosto do gênero e elementos destacados, mas não me envolveu tanto, infelizmente. Que bom que, sendo seu primeiro contato, você curtiu a leitura sim!
    beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu não consigo me intender pois todo mundo (ou quase) elogia d e mais a escrita e tudo que essa autora fizer na vida kkk, mas eu não consigo descer ela! Li apenas a metade de divergente e não curti muito, assíria filme um e não gostei mesmo kkk. Enfim! Esse novo livro parece ser bem interessante, mas pode ser que eu não goste tanto quanto o outro. Enfim, pretendo sim da uma nova chance a autora e espero que minha opinião seja mudada. Adorei autora resenha e até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Anelise!

    Assim como você, eu também não estou por dentro da escrita da Veronica. Na verdade, eu só me dei conta que ela é a escritora desse livro agora, lendo sua resenha. Já vi essa capa por aí um monte de vezes, mas não me atentei ao nome dela na capa. Adorei poder ler seus comentários sinceros, e digo que eles me agradaram muito e até me convenceram a ler a obra. Obrigada pela dica!

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
  4. Oi, Analise!
    Suas fotos estão lindas. ^^
    Confesso que estou ansiosa para fazer a leitura, mas ao mesmo tempo com receio depois do final de Convergente. :/
    Adoro distopias e ficção-científica, então quando os dois estão juntos, fico ainda mais empolgada. Como você disse que existem elementos que já vimos antes, vou tentar ir com calma na leitura para não me desagradar depois.
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  5. Oie! Tudo bem?
    Como não gostei da leitura que realizei dos outros livros da autora, esse nem sequer despertou meu interesse, mas fico feliz que tenha gostado da leitura! E por sinal a capa é linda! Isso não nego!
    Bjss

    ResponderExcluir
  6. Vendeu-me a ideia, flor! Como você, ainda não li nada da autora e também não me sentia muito convidada a conhecer Divergente. Até mesmo o filme me soou adolescente demais e acabei assistindo apenas ao primeiro. Mas lendo sua resenha sobre essa nova série, uau, percebo que nela há elementos que muito aprecio! Vou conferir.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi! Nunca tinha lido uma resenha desse livro e me interessei bastante pela sua. Ficou muito boa, parabéns! Além disso, as fotos ficaram muito lindas!
    Até agora não li nada da autora, e como estou com vontade de ler uma distopia, acredito que esse seria uma ótima oportunidade desse livro furar a fila haha

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Anne, do momento que o livro foi lançado até agora, só tenho lido boas críticas para com o enredo. Realmente, na questão da distopia, está meio difícil aparecer algo realmente original ou novo, mas enquanto não surge, a gente se satisfaz com narrativas bem desenvolvidas com as que a Roth é capaz de fazer. Amei a resneha!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá Anne,
    Essa é a segunda resenha que leio desse livro e repito, não sei se leio essa narrativa. Tomei ódio da autora, por ela ter deixado estragarem o enredo para o filme de divergente e ainda achar que estava tudo maravilhoso. rsrsrsrs
    O enredo realmente chama a atenção tem elementos que despertam minha curiosidade, mas essa resistência ainda me impede de ficar louca para ler. Se o livro chegar por aqui, com certeza leio, mas nem vou ficar fanática como em Divergente. rsrsrs

    bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem ?
    Eu gosto da série Divergente, mais dos filmes é verdade, ainda assim, gosto. Não sou fã e nem sabia da existência deste livro. Quando vi que se tratava de distopia, torci o nariz, não era algo que eu esperava meio que de novo, mas ao saber que o enredo se mantém e flui muito bem, fiquei interessada.
    Acho que andamos sempre no mais do mesmo.
    Beijos
    www.estilo-gisele.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Que fotos lindas!! Concordo com você, essas histórias estão começando a parecer demais com outras, mas que bom que mesmo assim a autora conseguiu construir uma narrativa interessante.
    Acho essa capa linda, mas a história em si não me atraiu muito. É volume único? Se for, já ganha pontos comigo hahaha. Beijos, ótima resenha!



    ourbravenewblog.weebly.com
    Participe do nosso TOP COMENTARISTA valendo um livro JANTAR SECRETO do autor Raphael Montes :)

    ResponderExcluir
  12. Olá, eu nunca li nada dessa autora, sou louca pra ler Divergente e amei saber desse livro novo! Ando vendo ele muito pelas vitrines é essa capa é linda né? Adoro criação de mundo novos, então acho que vou me dar bem com esse livro! Fora que sua resenha me ganhou e eu fiquei apaixonada nas suas fotos ❤️

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Eu gosto muito da trilogia Divergente, apesar de muitas pessoas criticarem o último livro. No entanto, tive medo de não gostar desse novo livro da autora. Fiquei com medo de ser mais do mesmo ou que, de alguma maneira, ela não mantivesse a qualidade da escrita.
    Sua resenha me deixou muito aliviada haha. Pelo que você falou, ela mantém sua escrita envolvente e a trama é interessante, apesar de alguns elementos já batidos.
    Esse livro já estava na minha lista de desejados, mas agora que li sua resenha estou muito mais ansiosa para ler. Adorei!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Nunca li nada da autora, apesar de adorar os filmes da triologia Divergente. Tem coisas que eu acho que ficam melhor no cinema que em livros. Essa autora é uma dessas coisas.

    Bjos
    www.causoseprosas.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oiee Anelise ^^
    Ficção científica não é bem um dos meus gêneros favoritos, mas eu adoro distopia, e gostei bastante da trilogia Divergente (mais do primeiro livro do que dos dois últimos juntos), então estou bastante curiosa para ler "Crave a marca". Estou enrolando para lê-lo...hehe' acho que estou com medo de não gostar muito e de acabar me decepcionando com a história *-*
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oie, para ser sincera nunca tive interesse em divergente e esse aqui também não me interessou. Não gosto muito dessas histórias com poderes, planetas e etc, mas bom saber que a autora nos insere de forma fácil nesse universo, e também que sua escrita é agradável, fazendo com que a leitura das quase 500 páginas fosse ágil. No momento não tenho esse desejo de conhecer, mas quem sabe no futuro.

    ResponderExcluir
  17. Oi, apesar de ter tido contato com os filmes da Veronica, eu nunca me interessei em ler os livros, apesar de até ter chego a comprar o livro Quatro, eu acabei o deixando parado na estante. No entanto, gostei dessa nova série que a autora trouxe e sua história, não achei completamente original, mas tem pontos bastantes originais e fiquei curiosa para saber o que irá acontecer com esses dois protagonistas cheios de rivalidades... Não sei se eu leria nesse momento, até porque 500 páginas é bastante coisa, e também porque to me segurando de ler para não começar uma série que ainda não está completa. Mas acredito que gostarei mais desse do que da primeira e sua resenha me deixou bem curiosa!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bom?
    Não sou lá a maior fã de distopias do mundo, ainda que tenham elementos de ficção científica, então, acho que os livros dessa autora não são para mim. Entretanto, curti muito saber que a mesma é uma boa autora, que conseguiu te prender desde o começo dessa obra. Gostei de saber também que o personagem tem motivação convincente para seus atos, o que fica meio vago algumas vezes em distopia. Enfim! Sua resenha está super bem escrita e tenho certeza que é uma ótima indicação para os fãs de distopias!

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  19. Oie
    não é um livro que leria até pq estou com tantos na lista e estou evitando acumular mais na lista, mesmo assim tem um enredo incrível que parece ser muito bom de ler, parabéns pela resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi, Anelise!
    Estou lendo esse livro no momento, e também é o meu primeiro contato com a escrita da Veronica Roth, e realmente os personagens são bem cativantes! Nunca li distopia nada parecida, e espero não decepcionar! :)
    Parabéns pela resenha!

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá Ane!

    Menina, você madrugou na livraria para adquirir Clave a Marca né? rs
    Essa é uma das primeiras resenhas que vejo da obra e posso dizer que amei. Já tinha pesquisado sobre o enredo, personagens e abordagem da autora, mas nada se compara a oponião pessoas de outros blogueiros.

    estou super ansiosa para comprar o meu *-*


    Beijinhos ;*
    Jessica Correa
    www.blogmodernagem.com.br

    ResponderExcluir
  22. Oi, Ane

    Que bom que esse seu primeiro contato com a autora foi satisfatório. Eu tenho os dois pés atrás com ela pq a leitura da trilogia Divergente foi sofrível para mim. Além do fato de este livro ter elementos sci-fi, gênero do qual não sou muito fã. Acho que não vou me arriscar.

    Beijo

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Eu também não li Divergente, não tinha interesse, mas confesso que nos últimos dias estou com uma vontade de enorme de conhecer a história. Quanto a esse livro, eu amo distopias e ficção cientifica, então é lógico que ele me chamou atenção. Vou colocar na lista e procurar pelo livro, obrigada pela dica!
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Eu também confesso que nunca fui com a cara dessa autora, mas porque eu não sou muito fã desse gênero literário mesmo, sabe? Por essa razão também não fiquei animada quando vi esse livro, tanto que nem procurei saber mais sobre ele, só agora lendo sua resenha que pude conhecer um pouco. A premissa é bem curiosa mesmo e pela sua resenha tudo foi bem construído, mas confesso que não é algo que quero ler no momento.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  25. Oi oi ANNE,
    Ainda não li nenhum livro da autora, mas pretendo começar a mudar isso lendo Crave a Marca. Adorei a resenha e graças a você fiquei muito curiosa para saber mais sobre Cyra e Akos, e poder acompanhar o desenvolvimento dessa história.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  26. Gosto da escrita de Veronica roth e a capa desse livro é de arrebatar a alma. Não li todos os livros da série Divergente, mas me sinto tentada a adquirir imediatamente!

    Adoro distopias, sci-fi e fantasia. Já conhecia a escrita da autora, então não duvidei que esse livro prenderia o leitor do começo ao fim.

    Que bom que no final acabou gostando do que leu!!!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  27. Olá!
    Li todos os livros de Divergente e, apesar de ter sido uma história divertida e tals, falta muito aquele elemento especial nos livros da Verônica. Ela tem ideias muito boas, mas acho que ela não consegue trabalhar elas muito bem. Maaas eu gostei muito da premissa de Crave a Marca e pretendo dar uma nova chance pra autora, quem sabe não me surpreendo.
    Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir