Vamos falar sobre Bates Motel

Direção: Nestor Carbonell e Tim Southam
Estreia:Março 2013
Duração: 60 min
Gênero: Drama e Suspense
Países de Origem: Estados Unidos da América
Canal: A&E

Sinopse: Após a misteriosa morte de seu marido, Norma Bates decidiu começar uma nova vida longe do Arizona, na pequena cidade de White Pine Bay, em Oregon, e leva o filho Norman, de 17 anos, com ela. Ela compra um velho motel abandonado e a mansão ao lado. Mãe e filho sempre compartilharam uma relação complexa, quase incestuosa. Trágicos acontecimentos vão empurrá-los ainda mais. Todos eles agora compartilham um segredo obscuro.

A terceira temporada de Bates Motel estreou e com ela a minha fascinação por essa série só aumentou. Para mim, a produção de BM é uma das melhores, além de contar com atores excepcionais e dignos de prêmios. As duas temporadas anteriores não nos decepcionaram. O desenvolvimento de Norman Bates, interpretado por Freddie Highmore, foi acontecendo de forma sutil e tranquila. Se não conhecêssemos a história do personagem, levaríamos o tempo para assimilar a psicopatia ao jovem rapaz.

Bates Motel tem um roteiro incrível, se eu  achava que a primeira temporada tinha sido boa, a segunda veio arrebatadora. Eu não sei bem como esperar essa nova que está por vir, mas agora podemos ver visivelmente a mente de Norman. Só esse pôster da terceira temporada já me da calafrios, é como se agora tudo realmente fosse começar a acontecer e que as outras temporadas foram apenas introdutórias (se pensarmos melhor, ela realmente foi).

Sempre que assistimos a um novo episódio, tentamos assimilar e fazer analogias em relação a Psicose. É indiscutível que o filme consegue ser um dos melhores do gênero, mas a série não fica atrás. Dentro do cenário televisivo atual, cheio de enredos vazios e personagens sem personalidade, Bates Motel é como respirar ar fresco em meio a tanta poluição. Mesmo tendo o tom mais sombrio e com um suspense gostoso de assistir, a produção investe no romance da juventude de Norman. Mostra como os laços que o rapaz criou, influenciaram no desenvolvimento da sua psicopatia.
A relação com a mãe, Norma, é algo um tanto peculiar. A relação de mãe e filho transparece algo a mais. É como se eles se envolvessem de uma for muito mais íntima que a relação de parentesco. Em uma das cenas finais da segunda temporada, vemos uma Norma desesperada, beijando e abraçando o Norman de uma forma bastante curiosa. A tensão sexual existente entre os dois é de nos deixar com os cabelos em pé. A cada cena, a cada momento que eles dormem de conchinha, podemos ver que ambos são completamente fissurados um no outro. Demonstram um carinho sobrenatural, um afeto extremamente íntimo. 

Espero que a terceira temporada seja mais sensacional que as outras. Espero poder ficar arrepiada e extasiada com os episódios, assim como fiquei com os demais. Quero ver Norman desenvolver toda essa sua psicopatia, quero ver a Norma enlouquecer junto. 

Dylan:You wouldn't actually want to hurt anybody though, would you?
Norman:Of course I wouldn't want to. I've never wanted to hurt anyone. Except you once in a while.


Sinopse da Terceira Temporada: Depois de um verão feliz com a sua mãe, vivendo dentro dos limites seguros de casa e do Bates Motel, os temores de Norman (Freddie Highmore) sobre o que realmente aconteceu com Blaire Watson ressurgem e Norma (Vera Farmiga) questiona o que realmente aconteceu. Forçada a encarar a verdade sobre Norman pela primeira vez, a sua relação profundamente intrincada continua a evoluir. Norma encontra-se focada no outro homem da sua vida, o meio-irmão de Norman, Dylan (Max Thieriot), e começa a contar com ele de uma forma que ela nunca esperou. Esta relação inevitavelmente provoca ciúmes em Norman e uma nova espécie de triângulo amoroso entre Norma e seus dois filhos estoura. O irmão de Norma, Caleb (Kenny Johnson) retorna para assombrar a família durante toda a temporada, desafiando o vínculo familiar ainda mais. As pressões do mundo exterior tomam posse da família quando os recém-chegados Kevin Rahm (Mad Men, Desperate Housewives), Tracy Spiradakos (Revolution) e Ryan Hurst (Sons of Anarchy) chegam a White Pine Bay. Depois de passar o verão no Bates Motel, o Xerife Romero (Nestor Carbonell) e Norma ficaram mais próximos, mas haverá sempre um ponto de interrogação inquietante envolvendo Norman. Algo não está certo, mas apesar de seus instintos, Romero encontra-se continuamente atraído para a família Bates – e Norma. Emma (Olivia Cooke), que também está determinada a descobrir o que está acontecendo com Norman, torna-se mais encorajada, sem medo, indo atrás do que ela quer. E um rosto familiar, Bradley (Nicola Peltz), retorna para surpreender a família e desenterrar velhas lembranças.

Ansiosos?

17 comentários

  1. Olha eu não sou muito de assistir séries, mas gostei bastante de ver 24horas e sinceramente estou dando até um tempo, porque foi tanta violência que me deixou até impressionada. Mas mesmo assim achei bacana a história dessa. Eu ainda não conhecia. Quem deve gostar dessa série é meu irmão mais velho, porque ele gosta sabe? Vou até indicar pra ele dar uma olhada, porque quem sabe? Eu agora estou vendo a série H20 Meninas Sereias. Parei na segunda temporada. Estou gostando e é algo bem light tbm...teen vamos dizer assim hehehehe


    Passando aqui para te chamar para ler minha nova resenha.
    Quando tiver atualização só avisar, pois estarei passando de tarde nos blogs


    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/03/resenha-perdendo-me.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Indique para ele sim! E se possível, veja você também. A série é sensacional, muito bem construída, uma das melhores do gênero. Eu me lembro de H20 Meninas Sereias da época que passava na Record, mas confesso que não faz muito o meu gênero. Obrigada mais uma vez pelo carinho, logo dou um pulo lá pra ler. :3

      beijos!

      Excluir
    2. Amiga eu vou dar uma pesquisada na série pra ver
      Mas é que ando meia sensivel para ver tipos de coisas ou até mesmo para ler, por isso não estou muito chegada no momento. Mas pode ter certeza que irei conferir sim, até porque é sempre bom conhecer coisas novas, ainda mais quando n se tem nada pra assistir na TV -.- E ai a gente fica naquele dilema...o que fazer?? =x


      http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/03/caixinha-de-correio-parte-5-2015.html

      Excluir
    3. Eu entendo bem como é isso. Mas quando você estiver bem pra ver a série, faça isso. Tenho certeza que não vai se arrepender. <3

      Excluir
  2. Olá! Te indiquei para responder a tag Liebster Award. Confira: http://poramandamidori.blogspot.com.br/2015/03/tag-liebster-award-discover-new-blogs.html

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Eu AMO seriados, pena que estou mega sem tempo pra ver. Sempre leio ótimos comentários sobre essa série, parece ser incrível, mas a falta de tempo não me permite assistir. Porém adorei a dica e o post.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também amo séries, tenho mais de 40 na grade e já vi mais de 100 haha. Poxa, quando tiver um tempinho, invista em Bates Motel. É uma grande série, vale muito a pena. :)

      Excluir
  4. Ainda não assisti a série, mas de repente fiquei muito interessada. Costumo gostar de personagens com algum desvio de caráter ou de personalidade, eles quase sempre são os que deixam a história mais interessante. Relação incestuosa? Impossível não lembrar de Cersei e Jaime, de Game of Thrones (apesar de parecer que a relação da série não tem nada a ver). Depois vou procurar a série ;)
    http://thaisnacidade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de assistir/ler coisas sobre psicopatas e tals. Acho demais saber como funciona a mente de uma pessoa com tais distúrbios. Sim, a relação do Norman com a Norma tem um clima bastante incestuoso, apesar de não ter nada comprovado. Haha impossível não lembrar da Cersei e do Jaime, mas neste caso é diferente. É algo mais sombrio e psicótico. :~

      :)

      Excluir
  5. Não sou muito de séries (assisto Vikings e olhe lá!), mas essa me interessa. E gostei do post, bem explicadinho, com detalhes - até porque já era um item que iria procurar mais cedo ou mais tarde.
    Ah, curious fact: também sou leonina com Lua em Touro <3 (mas meu ascendente é Áries HEUAHUAE)

    Beijos!

    http://bahlopes.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vikings, uma das minhas séries favoritas. <3 Arrisque ver Bates Motel, é uma série incrível, vale muito a pena.

      Menina, somos quase ''gêmeas'' de mapa astral? Hahahahhaah
      beijos!

      Excluir
  6. Anne, coincidência demais se eu disser que comecei a assistir BM ontem? Haha, eu via alguns episódios perdidos, mas ontem resolvi assistir desde o início até pq amo Freddie, Vera e Max ❤ Já estou no quarto episódio e aguardo ansiosamente para que chegue o fim de semana e eu tome um porre dessa série que eu já estou amando HAUHUAHE

    Beijos, Carol!
    www.carolinatvrs.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHHAHAH que coisa boa de ler Carol! Essa série tá perfeita. A 3 temporada começou com tudo haha não poderia amar menos! <3

      Excluir